Polícia Civil prende jovem que assassinou o próprio pai

Para cometer o crime acusada ateou fogo no corpo da vítima.
 

Após ser presa acusada foi conduzida ao 23º Distrito.

Policiais civis do 23º Distrito Policial (23ºDP), comandados pelo delegado José Carlos André, prenderam em flagrante na tarde desta segunda-feira (18), uma moça que matou o próprio pai no município do Pilar.

Alice dos Santos Assis, de 21 anos, é acusada de atear fogo em seu genitor, Arnaldo de Assis, 45 anos, conhecido como “Aninho”, em sua residência. Após o crime a jovem foragiu para a casa de um parente localizada no Loteamento Mangabeiras, em Pilar, local onde foi detida pela equipe do 23ºDP.

Arnaldo de Assis foi executado pela filha, quando descansava, na noite do último domingo dia 17, após ambos consumirem bebidas alcoólicas. Segundo o delegado, ela arremessou álcool no corpo dele, e depois ateou fogo, utilizando fósforos.

“Ela confessou o homicídio assim que a prendemos, alegando que o relacionamento com pai sempre foi ruim e que ele nunca chegou a agredi-la, mas que ele não estava gostando de sua gravidez”, disse o delegado.

O delegado disse ainda que vizinhos e parentes, testemunhas do delito, já foram intimados para depor. “A irmã de Alice já foi ouvida e estamos aguardando outras testemunhas”, concluiu o delegado.

Após a jovem ter sido detida, foi conduzida à sede do 23º DP, onde foi autuada por homicídio qualificado, e está à disposição da Justiça.

 

Fonte: 
PC ALAGOAS