Polícia Civil prende autora intelectual de homicídio

 

Ordem para matar vítima foi enviada em mensagens instantâneas para celular.

 


Delegado Eduardo Mero, que investigou o homicídio (Foto: Ascom-PC)

O delegado Eduardo Mero, da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC), informou na noite desta terça-feira (6), a prisão de Isis Lysiane de Souza Ferreira, 24 anos, conhecida como “Lysi”, acusada de ser a autora intelectual de um assassinato.

A vítima do crime, Fernando Paulino Dantas, foi executada na noite de 06 de maio do corrente ano, na Rua do Barreirão, Rio Novo, em Maceió. Segundo o delegado, o crime foi motivado por desavenças entre ela e a vitima, porque ele teria subtraído dela uma certa quantia em dinheiro.

“A ordem para matá-lo foi enviada no aplicativo de mensagens instantâneas para celular, Whatsapp, em um grupo composto por diversos membros de uma facção criminosa, atuantes no bairro do Clima Bom, sendo o crime executado por simpatizantes da facção que tomaram conhecimento da determinação da pena capital”, disse o delegado.

Isis Lysiane foi detida por policiais civis na noite da última sexta-feira dia 2, em cumprimento a mandado de prisão expedido pela 8ª Vara Criminal da Capital.

 

Fonte: 
PC ALAGOAS